Rodízio de brinquedos: acabe com a bagunça do quarto!

O quarto de brincar das crianças vivia uma bagunça e o pior: eu percebi que eles nem brincavam mais com a maior parte dos brinquedos que tinham!

Para resumir era assim, iam para o quarto, tiravam tudo o que tinha nas caixas e depois que tudo estava no chão, a “brincadeira” acabava, dando início ao momento enrolação do dia: hora de guardar e organizar os brinquedos de volta!

Ficava naquele lenga lenga e a metade (ou mais) dos brinquedos era eu quem guardava. Essa história se repete aí na sua casa? Aqui quase me deixou doida!

Foi aí que pesquisando uma solução encontrei na metodologia montessoriana a ideia prática e funcional chamada: Rodízio de Brinquedos. Adaptei um monte de coisas, aproveitei outras e deu super certo aqui em casa. Querem ver como fiz?

(Antes de começar você deve saber que dá um pouco de trabalho, requer uma boa reorganização dos brinquedos, assim como disposição de móveis, prateleiras, etc…)

Como e por que o rodízio de brinquedos funciona?

Os brinquedos devem ser apresentados aos poucos. O rodízio funciona bem a cada 7, 15 ou 30 dias. Aqui em casa como as crianças são grandinhas (6 e 8 anos) realizo a troca de brinquedos a cada 30 dias. Com o meu menor, ainda não comecei, pois os brinquedos dele ficam em uma caixa na sala. Mas em pouco tempo, quando ele tiver mais ou menos 1 ano e meio, ele se juntará aos demais, e farei o rodízio dos brinquedos dele a cada 15 dias.

Funciona porque:

  • com a organização, fica mais fácil brincar. O lego perde o interesse, por exemplo, se as pecinhas estiverem espalhadas pelo quarto, se para montar qualquer coisa com o lego for preciso primeiro encontrar as pecinhas, as crianças preferem nem brincar.
  • a disponibilidade de brinquedos fica ao alcance da criança, então simplesmente ela vai sozinha, pega, brinca e guarda. Por isso deixe à mão apenas o suficiente, aquilo que cada criança consegue brincar e organizar. Tendo o alcance visual de tudo o que está disponível para brincar, a criança consegue esquematizar-se e não precisa ficar pedindo para ninguém pegar nada para ela.
  • a ideia do RODÍZIO, de trocar os brinquedos que estão à disposição da criança por aqueles guardados, desperta o interesse, como se aquele brinquedo fosse novo outra vez. Além disso, proporciona uma limpeza visual e a criança se concentra mais naquilo que está nas mãos.

Na prática eu fiz assim:

1º. Separei os brinquedos em caixas (pode ser cestas, potes de sorvete, prateleiras, etc.). Coloquei barbies numa caixa, Polly na outra, e assim por diante com todos os outros brinquedos, lego, carrinhos, brinquedos de cozinha, etc… (isso demorou uma tarde toda).

Fotor11172243462º. Expliquei a nova organização do quarto e a ideia do rodízio para as crianças, e eles me ajudaram a dizer quais brinquedos gostariam de deixar disponíveis e quais eu poderia guardar para a próxima troca.

3º. Mudamos alguns móveis do quarto de lugar e escolhemos o que seria o “armário proibido”. Como não tenho muito espaço para guardar os brinquedos do rodízio, escolhemos uma estante e tudo o que tem nela não é permitido brincar até a próxima troca. Deixem que as crianças se envolvessem na arrumação, ajudando a escolher o local, tipo de caixa, cantinho da leitura, etc… Esse é o segredo!

img_70514º No fim da história, ficaram disponíveis 2 caixas para cada criança (ou seja, dois temas: Barbie e Casinha, Lego e Beyblade), uma caixa de brinquedos de verão (temos que aproveitar, afinal o verão aqui dura tao pouco!), fantasias e livros (escolhemos 12 títulos que ficam disponíveis durante todo mês).

Importante! Deixe que as crianças escolham o que querem brincar, o querem ler, etc… nós devemos apenas ajudar para que eles consigam se organizar e aproveitar melhor os brinquedos e livros.

E assim  fizemos o nosso rodízio. Essa troca dos brinquedos à disposição pelos guardados ajudou muito (troque todos os brinquedos exceto aqueles que tem um valor sentimental forte para a criança!) De preferência, deve estar à disposição somente a quantidade de brinquedos que a criança, de acordo com cada idade, é capaz de organizar com facilidade. E ficou assim:

img_7084img_7083Hoje, mais de 4 meses depois da implantação do Rodízio de Brinquedos aqui em casa, sinto a diferença positiva dessa mudança. Minha menina, por exemplo, brinca bastante tempo de boneca, algo que antes era difícil de ver. Além disso, essa organização me ajudou com relação ao meu caçula, que hoje já anda por toda parte e coloca tudo na boca, afinal as pecinhas pequenas ficam guardadas e organizadas, proporcionando mais segurança para o baixinho. E o meu mais velho agora tem como meta ler todos os livros disponíveis naquele mês, se transformou num devorador de livros como ele mesmo diz.

Espero que tenham gostado, aqui em casa ajudou muito!

Beijos e até a próxima 🙂

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s