2

Mãe, eu tive um sonho…

big wolfAcabo de acordar com minha filha me chamando:

“Mãe! Mãe…” gritava ela em seu quarto. Quando cheguei foi dizendo: “Eu tive um sonho maluco”, e simplesmente virou para o lado e dormiu, sem me contar o incrível sonho que me fez levantar da cama às 2 da manhã!

Os sonhos guiam nossa vida, já os pesadelos podem perturbar a noite de sono de uma criança. Nesse caso, o jeito é acalmá-la trazendo-a de volta para a realidade e passando a segurança necessária para que nossos pequenos voltem para um soninho mais tranquilo e possam descansar mais um pouco. E nós, também!

Uma vez, quando eu tinha 9 anos, sonhei que eu usava aparelho nos dentes (na verdade esse era um desejo real, dá para acreditar?). Só sei que quando acordei fui “seca” pegar meus aparelhos, afinal eu tinha acabado de guardá-los na caixinha! Era “óbvio” que eles estavam ali em meu quarto. Procurei e nada de achar. Perguntei para minha mãe: “Mãe, cadê meu aparelho?” Quando ela me disse que eu nunca havia usado aparelho na vida, me frustrei. Parecia tão, tão real!

Confesso que de uns tempos para cá sonho pouco, ou pelo menos, não me lembro deles. Isso deve ser por causa das noites mal dormidas de uma mãe de recém nascido! Mas no geral, sempre me lembrei dos sonhos e frequentemente eles são muito impactantes para mim.

E com meus filhos é assim também, sonham, se lembram e vivem contando para mim as aventuras e os perigos vividos nesse maravilhoso mundo que existe dentro de cada um de nós. Tem uma cobra, por exemplo, que insiste em aparecer nos sonhos (e pesadelos) do meu filho mais velho. Já tive que dormir com ele várias noites por causa da danada.

Mas por quê as crianças possuem tantos pesadelos? Com o que elas sonham? Como ajudá-los a separar sonhos da realidade?

A maioria dos pesadelos acontece durante o sono profundo, o mais provável é que os pesadelos ocorram no último terço da noite, já depois das quatro da madrugada. As crianças acordam assustadas, confundindo fantasia com realidade e buscam o conforto e o abrigo dos pais. Podem lembrar com detalhes dos pesadelos e nos contar tudinho.

Mas o que provoca os pesadelos?

Agitação por causa de algum probleminha na escola, ansiedade despertada por alguma mudança iminente, alimentação pesada durante a noite, acontecimentos traumáticos como briga ou separação dos pais, um filme ou uma história de suspense vista ou ouvida durante a noite, com fantasmas, E.T.s e monstros, por exemplo, podem ser fatores que despertam o pesadelo durante o sono.

A própria escuridão da noite assusta muitas crianças. Minha filha sempre me diz que tem medo da noite. E eu sempre digo a ela que eu adoro, porque é durante a noite que consigo ver a lua e as estrelas que tanto amo observar. Ela me olha com aquele “olhão arregalado” como quem diz: “que louca é minha mãe”, porque afinal, noite para ela é sinal de bruxas soltas por perto!

Na verdade os pesadelos nascem de um medo, de uma fragilidade natural do ser humano, e revelam-se pela primeira vez já a partir dos 12 aos 18 meses de vida. Criar uma rotina tranquila antes de dormir, ajuda nossas crianças a terem mais sonhos do que pesadelos.

Colocar o filho cedo para dormir, em um ambiente limpo e tranquilo, sem o barulho e agitação externa e com uma iluminação aconchegante proporcionará a ele uma atmosfera perfeita para uma noite de sono e de sonhos.

Evitar televisão a noite, substituindo por uma atividade como pintura ou leitura, faz bem, acrescenta e acalma. Trazendo a paz necessária para a horinha do sono noturno, diminuindo a incidência de pesadelos.

E por falar nisso, nosso papel é muito importante na hora que as crianças acordam de um sonho ruim: se nos procuram por causa do medo que estão sentindo, é porque confiam em nós. Então, devemos retribuir essa confiança dando importância ao sentimento deles, mostrando que a realidade está bem mais segura e tranquila do que os seus pesadelos.

Só por curiosidade, aqui está um ranking dos pesadelos mais frequentes entre as crianças:

  1. Monstros
  2. Precipícios
  3. Insetos
  4. Troca de papéis (O dócil cachorrinho da vida real transforma-se em uma temível ameaça)
  5. Bruxas
  6. Animais Malvados
  7. Perder os pais

Os pesadelos tendem a diminuir conforme as crianças vão crescendo. Ainda bem! Mas como os meus filhotes ainda são pequenos, vou ficando por aqui … Preciso dormir antes que alguma “cobra” ou outro “sonho maluco” me desperte.

Bons sonhos, mamães!

Anúncios
1

50 Filmes da infância para assistir com a criançada – Parte 2

Olá mamães! Conforme o prometido, segue a 2ª parte da Lista de Filmes do Blog Super Mammy!

Clique nas imagens ou nos links para assistir o filme ou saber onde encontrá-lo.

Você também pode gostar de:

50 Filmes da infância para assistir com a criançada – Parte 1

Aproveitem!!

MVICAMRA

26. A Bela e a Fera (1991): Um dos contos de fada mais bonitos e encantadores. Bela vai a procura de seu pai que está perdido na floresta e o encontra preso em uma castelo. Para libertá-lo, Bella fica em seu lugar e passa a ser prisioneira da Fera, dando início a uma história linda de amor verdadeiro. Duração: 84 minutos. Livre. (Clique aqui)

27. De volta para o futuro (1985): Marty é um jovem que aciona acidentalmente uma máquina do tempo construída por Doc Brown,  um cientista, e faz uma viagem ao passado até os anos 50. Lá conhece sua mãe, antes de se casar com seu pai, que fica apaixonada por ele. Tal paixão põe em risco sua própria existência, pois alteraria todo o futuro, forçando-o a servir de cupido entre seus pais. Duração: 116 minutos. Livre. (Clique na imagem para assisitir o filme).

28. Toy Story (1995): O filminho é lindo, todos sabem. O brinquedo favorito de Andy Davis, um menino com oito anos, é um cowboy de pano, o Xerife Woody. O que Andy não sabe é que quando os humanos não estão olhando os brinquedos ganham vida, protagonizando uma dos melhores filmes de animação de todos os tempos. Duração: 77 minutos. Livre. (clique aqui)

29. O menino maluquinho (1995): É um filme brasileiro super lindinho, baseado na história do Ziraldo. Lembro-me que quando eu assisiti esse filme (com 11 anos)  fiquei com vergonha de ter chorado! Assisitindo com meus filhos, eu chorei sem vergonha nenhuma e eles também!  Essa parte mais emotiva é apenas um pedaço da delicosa história sobre as invenções de um menino espertinho e maluquinho. Duração: 82 minutos. Livre.  (Clique na imagem para assisitir o filme)

30. Cinderela (1950): Conta a história de uma menina órfã, que sob os cuidados de uma madrasta torna-se a criada da casa, não recebendo o mesmo cuidado que as duas filhas da malvada. Mas um baile mudará a sua história e com ajuda de uma fada madrinha, os seus sonhos se transformarão em realidade. Duração: 74 minutos. Livre. (Clique aqui)

31. A guerra dos botões (2012): Um grupo de meninos liderado por Lebrac, participam de uma guerra contra as crianças da aldeia vizinha. É uma batalha tradicional, realizada há gerações pelos jovens das duas aldeias. Eles lutam pela honra e lealdade, mas utilizam-se dos meios necessários para vencer. Porém, os pais não podem ficar sabendo. Um filme lindinho sobre um tempo passado. Duração: 109 minutos. Livre. (Clique na imagem para assisitir o filme).

32. A bela adormecida (1959): Uma terrível maldição da rainha malvada faz com que a Aurora durma por 100 anos, após espetar o dedo em um roca. Mas as três fadas madrinhas (Flora, Fauna e Primavera) descobrem uma forma de quebrar o feitiço: um beijo doce e verdadeiro de amor. Será que a Aurora irá despertar deste sono? Duração: 75 minutos. Livre. (Clique aqui)

33. Bernardo e Bianca (1990): Foi o primeiro filme que vi no cinema, tinha 6 anos! Conta a história de dois ratinhos que encontram uma garrafa com um pedido de socorro dentro. Vivem aventuras até conseguir encontrar a dona da cartinha e ajudá-la a se livrar das garras de uma madrasta má. Duração: 77 minutos. Livre. (Clique na imagem para assisitir o filme).

34. O pestinha (1990): Um casal vai até uma agência de adoção para realizarem o sonho de serem pais. Conhecem Junior, um meninho carismático, que acaba sendo adotado pelo casal. Mas em breve eles vão descobrir que esse anjinho é o menino mais bagunceiro do mundo. Duração: 81 minutos. Livre. (Clique aqui)

35. Eduard, mãos de tesoura (1990): Eduard é um jovem esquisito e sozinho que vive em um castelo abandonado. Ao ser  encontrado por uma moradora do bairro, descobrem o valor de uma amizade. Mas não são todos que irão recebê-lo bem. Duração: 105 minutos. Livre. (Clique na imagem).

36. Nós somos os campeões (1992): Um advogado arrogante, terá que prestar serviço à comunidade como instrutor de hockey da pior equipe da cidade, por ter cometido muitas infrações no trânsito. O advogado muda o nome da equipe, e tenta mudar, também, a história deste time. É emocionante e as crianças vibraram muito! Duração: 100 minutos. Livre. (Clique aqui)

37. Branca de Neve (1937): Esse filme é lindinho e conhecido pelo mundo todo, já assiti várias vezes quando criança, depois com meus primos e agora, com meus filhos. Conta a história de uma menina que se esconde da madrasta na floresta e é acolhida por 7 anões. Mas a malvada consegue achá-la e prega-lhe uma peça, que pode custar a vida da linda Branca de Neve. Duração: 83 minutos. Livre. (Clique aqui)

38. Pinóquio (1940): É lindo e dá para ensinar muitas coisas às crianças através dele. Conta a história de um marceneiro que vivia sozinho, e sonhava em ter um filho. Uma fada torna o sonho em realidade ao dar vida à um boneco de madeira feito por Geppetto, que o educa com os melhores valores a serem ensinados: coragem, lealdade e honestidade. Como será que Pinóquio, o menininho de madeira, se comportou? Duração: 89 minutos. Livre. (Clique na imagem).

39. Minha mãe é uma sereia (1990): Essa é a história de uma mãe que age como adolescente, e de uma adolescente, sua filha, que age como mãe. Uma inversão de papéis que nos faz rir e chorar. Mesmo sendo livre, acho melhor cada mamãe assistir antes e ver o que acha. Ainda não mostrei aos meus filhos, mas adoro a história! Duração: 110 minutos. Livre. (Clique aqui).

40. Tartarugas ninjas (1990): Rafael, Michaelangelo, Leonardo e Donatelo sao tartarugas mutantes treinadas por um rato para combater gangues e crimes em Nova York. Dica: comprem uma pizza para assistirem durante o filme, porque eles adoram e dá uma vontade! Duração: 93 minutos. Livre. (Clique aqui).

41. Sonho de Verão (1990): Esse filme eu assisti muitas vezes com minhas primas! É brasileiro e tem muita música. Conta a história de um casal de ricões que buscam ajuda para a sua filha, que não fala mais depois da morte de sua irmã. Por isso, viajam aos EUA e deixam a casa, uma verdadeira mansão, aos cuidados da governanta. Mas uma turma de jovens a caminho de um colônia de férias, invade a casa e vivem momentos de alegria e diversão, pensando ser lá o verdadeiro hotel. Quem vai desfazer essa confusão? Duração: 75 minutos. Livre. (Clique na imagem para assisitir o filme).

42. Riquinho (1994): Conta a história do menino mais rico do mundo que gostaria de jogar baseboll com alguns meninos na rua. Durante a trama, seus pais desaparecem no triângulo das bermudas, e o menino suspeita ser uma fraude de alguém querendo assumir a milhonária empresa de sua família. Com a ajuda de seus amigos, consegue resgatar seus pais. Duração: 94 minutos. Livre. (Clique aqui)

43. Pocahontas (1995): “Se pensa que esta terra lhe pertence, você tem muito ainda o que aprendeeeerrr, pois cada planta, pedra ou criatura, está viva, e tem alma, é um ser. La la la la…” 🎶  Assisti tantas vezes que decorei todas as músicas!! E agora não consigo parar de cantar! … O filme 1 é lindo e conta a história de um amor entre duas pessoas de mundos diferentes. Agora, o filme Pocahontas 2, foi horrível! Ela vai até o mundo dele, viaja muito, e quando chega lé, advinhem só… ele sente vergonha dela. Frustrante, né? Então, minha dica é assisir só o filme 1, que é lindo demais! Duração: 81 minutos. Livre. (Clique aqui)

44. Karate Kid (1994): Acho legal assistir essa versão primeiro e depois a nova. Dá para conversaar com os filhotes sobre as mudanças que eles notaram, inclusive que na regravação, a luta nem é mais karate. Quem não se recorda do Daniel San e do golpe final? Gostou? Seus filhos gostarão também de mais este clássico do século passado! Duração: 126 minutos. Livre. (Clique aqui)

45. Quero ser grande (1988): Após ser barrado em uma montanha-russa durante um passeio, Josh resolve fazer um pedido à máquina dos desejos para ser grande. No dia seguinte o pedido foi realizado. Mas ele continua sendo uma criança, só que com a aparência de uma homem de 30 anos. Imaginem a confusão! Duração: 108 minutos. Livre.

46. O pequeno milagre (1998): Esse filme eu aluguei várias vezes, tanto que um dia a mulher da locadora de filme disse: “é a sexta vez que você vai levar esse, quer mesmo assim?”! Esse fato é engraçado, mas a história nem tanto. Porém, aprende-se muito com as aventuras e a amizade construída entre dois meninos especiais. Duração: 114 minutos. Livre. (Clique aqui)

47. 101 Dálmatas (1996): Os dálmatas Pongo e Prenda são pais de 15 cachorrinhos. Mas Cruella pretende lançar uma nova linha de roupa com peles de Dálmatas e manda raptar todos os dálmatas da cidade. Pongo e Prenda organizam uma das maiores aventuras da história canina para recuperar seus filhotes. Duração: 103 minutos. Livre. (Clique aqui)

48. Férias frustradas (1983): Os Griswolds planejaram suas férias de verão até o parque Walley World. Tudo certo em seus mínimos detalhes, até pegarem a estrada! É um filme engraçado e cheio de surpresas! Duração: 98 minutos. Livre. (Clique aqui)

49. Milagre na rua 34 (1994): Em plena época do Natal, Suzan, uma garotinha muito inteligente e esperta, afirma que Papai Noel não existe. Porém, um senhor muito bondoso é contratado para trabalhar como Papai Noel na loja de brinquedos em que sua mãe trabalha. O que ninguém podia esperar é que o velhinho afirma ser o verdadeiro Papai Noel e que está ali justamente para provar para a garotinha e para muitas pessoas que ele é real. Duração: 114 minutos. Livre.

50. Um dia a casa cai (1986): Recém casados, ao comprarem uma mansão,  Walter e Anna descobrem aos poucos que nada funciona, e precisam urgente reformar a casa toda. Entretanto, eles gastaram tudo que tinham para adquirí-la e o orçamento para deixá-la habitável é extremamente caro. Sem dinheiro e sem poder vender a casa, eles arrumam divertidas confusões. Duração: 91 minutos. Livre. (Clique aqui)

Bom filme! Boa pipoca! Ótima diversão!

Beijinhos,

Super Mammy.

2

Preparem a pipoca… 50 filmes da infância para assistir com a criançada! Parte 1

Olá Mamães!

Listei os 50 filmes mais marcantes de quando eu era criança e desde setembro passado estou assistindo juntinho aos meus filhotes! Está sendo uma experiência incrível, eles adoram! A cada filme, uma nova história para contar de quando eu era pequena. Eles prestam uma super atenção!! A curiosidade é enorme em saber como eu e o papai éramos na infância, o que fazíamos, do que e com quem brincávamos…

Um ponto negativo? São super difíceis de serem achados. Por isso, vou linkar as imagens ou títulos, assim vocês encontrarão os filmes mais rápido. Espero que gostem e que aproveitem esses momentos de diversão em família!

Farei em duas partes. Hoje 25 títulos e quarta feira, mais 25. Beijinhos!

Você também pde gostar de:

50 filmes da infância para assistir com a criançada! Parte 2

50 filmes da infância para assistir com a criançada – a Super lista do Super Mammy!

a couch

1. Esqueceram de mim (1990): Quem se lembra do grito da mãe desesperada: “Ke-viiinnn!” ? A ação começa quando o mala sem alça Kevin (Macaulay Culkin) é esquecido em seu sotão, depois de uma agitada noite em família. Quando amanhece, ele descobre que está sozinho em casa e a festa começa! Até ele ter que enfrentar uns ladrões atrapalhados que querem assaltar a sua casa. As armadilhas que Kevin prepara irão fazer com que ele defenda seu lar até seus pais voltarem das frustradas férias natalinas. Duração: 103 Minutos. Livre.

2. Esqueceram de mim 2 – Perdidos em Nova York (1992): Desta vez, Kevin (Macaulay Culkin) se perde no aeroporto após seguir um homem, confundindo-o com seu pai. Enquanto a família foi curtir as férias na Flórida, ele viajou para Nova York com o cartão de crédito do seu pai. E viveu divertidas aventuras até se encontrar novamente com a sua família. Duração: 120 Minutos. Livre. (Clique aqui)

3. E.T. (1982): Como não se apaixonar por aquele “etezinho” achado por um garoto no meio da floresta? No filme, este ser do outro planeta  econtra um grupo de crianças legais que o ajudarão a voltar para sua casa. É um clássico do cinema dirigido por Spielberg. Duração: 115 minutos. Livre.

4. Jamaica abaixo de zero (1993): Um filme de comédia e emoção que conta a história de um grupo de esportistas jamaicanos que se unem para disputar, acreditem se quiser, uma modaliadde dos Jogos Olímpicos de Inverno. Saindo do extremo calor, para o extremo frio, vivem uma história emocionante de superação e amizade. Duração: 97 minutos. Livre. (Clique aqui)

5. A Família Addams (1991): Essa família peculiar e de arrepiar está prestes a sofrer um golpe e perder seu tesouro. O plano bolado para roubar os Addams, elaborado pelo advogado picareta da família, não foi executado conforme o previsto. Revelando uma série de esquisitisses dessa adorável família! Duração: 99 minutos. 12 anos. (Clique aqui)

6. A convenção das bruxas (1990): Esse filme é muito bacana! Um novo plano é discutido entre as bruxas: transformar todas as crianças em ratos. Mas um menininho esperto, hospedado no mesmo hotel onde estava ocorrendo a tal convenção, descobre o plano. E tentará impedir, mesmo transformado-se em um rato… Uma aventura roedora de tirar o fôlego! Duração: 91 minutos. Livre. (Clique aqui)

7. A princesinha (1995): Sara é uma menininha linda, que vivia em um lugar mágico, na Índia, com seu amoroso pai. A história começa a mudar quando ele é chamado para a guerra e Sara levada para morar em uma escola de meninas. Quando chega, encontra um lugar triste, amedrontado pela autoritária diretora. Aos poucos, vai ensinando a todas as garotas que a alegria mora dentro de nós. Teve duas indicações ao Oscar em 1995. Duração: 98 minutos. Livre. (Clique aqui) 

8. Querida encolhi as crianças (1989): Esse filme é uma aventura do início ao fim. As crianças aqui em casa amaram e já assistitram várias vezes. Dá para ter uma ideia de como é ser do tamanho de uma formiguinha, e viajar no mundo mínusculo imaginado pelo diretor Joe Johnston. Duração: 93 minutos. Livre.

9. Beethoven – o maguinífico (1992): Perdido pela cidade, o cachorro encontra uma família que logo se apaixona por ele, mas cujo pai não o quer por perto de jeito nenhum. Após algumas histórias e aventuras, a impressão inicial pode mudar, e quem sabe o pai aceita Beethoven na família! Duração: 87 minutos. Livre. (Clique aqui)

10. Free Willy (1993): A baleia perde sua família por causa dos pescadores, mas encontra em Jesse, um verdadeiro amigo. Juntos brincam e nos divertem em uma deliciosa histórinha. As crianças vão adorar!  Duração: 112 minutos. Livre. (Clique aqui)

11. Denis, o pimentinha (1993): Coitado do senhor Wilson, com um vizinho desses ninguém precisa de inimigo. Esse filminho é bom para mostrar às criancas tudo aquilo que NãO se faz!! Uma história de amizade e travessuras. O filme é legal, mas prefiro os desenhos que passavam de manhã no SBT. (Isso há duas décadas… só entre nós! rsrs). Duração: 95 minutos. Livre. (Clique aqui)
12. Uma babá quase perfeita (1993): O sofrimento de um pai, após a separação, por não ver mais os filhos diariamente, faz com que Daniel Hillard (Robbin Willians) se ofereça para ser babá de seus filhos. Detalhe: sem que ninguém saiba quem ele é de verdade. Uma linda história. Duração: 126 minutos. Livre. (Clique aqui)
13. Os batutinhas (1994): Os garotinhos do “Clube de meninos anti mulheres” se preparam para uma grande corrida. Mas um apaixonado surge no grupo, quase estragando a corrida e a união dessa turminha fofinha! Duração: 82 minutos. Livre. (Clique aqui)
14. Os Flintstones (1994): Esse filme é muito legal, assisiti no cinema! Conta a história de uma oferta de trabalho que quase colocou em risco a amizade e o amor da família e dos amigos. Duração: 82 minutos. Livre. (Clique aqui)
15. Gasparzinho, o fantasminha camarada (1995): Uma mansão mal assombrada, e uma dona aflita para vendê-la, deveria ter seus fantasmos explusos de lá. James, um terapeuta de fantasma, é contratado para dar fim a missão. Mas sua filha cria uma amizade com Gaspazinho e eles se metem na maior confusão. Duração: 100 minutos. Livre. (Clique aqui)

16. Baby, o porquinho atrapalhado (1995): Essa é a história de um porquinho que é pastor de ovelhas. Fofa e encantadora. Foram precisos 40 porquinhos atores para se revesarem nas cenas do filme. Duração: 91 minutos. Livre. (Clique aqui)
17. Space Jam, o jogo do século (1996): Com Michel Jordan no elenco, o filme mistura atores com os personagens da  “Looney Tunes”. Assista essa emocionante partida entre terrenos e alienígenas. Duração: 88 minutos. Livre. (Clique aqui)
18. Os goonies (1985): Uma turminha de amigos, os goonies, encontram uma mapa do tesouro e vivem inúmeras aventuras ao irem buscar o tão desejado prêmio. Só não esperavam esbarrar em tantos piratas pelo caminho!  Duração: 114 minutos. Livre. (Clique aqui)
19. Meu primeiro amor (1991): Esse filminho é lindo, mas ainda não assisti com as crianças. Acho que vou esperar mais, por causa do desfecho do filme. Uma história de amizade, amor,  desencontros e relação pai e filha. Duração: 102 minutos. Eu não consegui saber se é livre ou não!
20. Matilda (1996): Matilda é linda, extraordinária e muito inteligente. Infelizmente, seus pais (Danny Devito e Rhea Perlman) não percebem seu talento para não dizer outra coisa! Para piorar, estuda em um colégio com uma diretora que é uma megera malvada. Mas Matilda descobre que tem poderes sobrenaturais e começa assim uma revolução em sua vida. Duração: 98 minutos. Livre. (Clique aqui)
21. Operação cupido (1998): Conta a história de duas garotas gêmeas, que só se conhecem durante um acampamento de verão e descobrem que uma delas não conhece o pai e a outra não conhece a mãe. Então, elas trocam de lugar para poder conhecê-los e juntar os pais de novo. Será que deu certo? Duração: 128 minutos. Livre. (Clique aqui)
22. Olha quem está falando (1989): Conta a vida de uma mãe solteira e, ao mesmo tempo, como essa rotina é vista na visão de um bebê. Acho muito legal e as crianças amaram!!! Duração: 92 minutos. Livre. (Clique aqui)
23. Olha quem está falando também (1990): É a continuação do filme. Molly se casa com James para a alegria do bebê, que neste filme já está um mocinho. Em meio a uma crise conjugal, mole engravida e dá a luz a uma companheirinha para as aventuras do bebê falante! Uma delícia de história! Duração: 81 minutos. Livre. (Clique aqui)
24. Vida de Inseto (1998): Adoramos esse filme!! Criativo, divertido e fofinho. Uma aventura e tanto para os baixinhos assistirem! A risada é garantida. (Mesmo sendo livre, acho que possui uma ou outra cena “fortinha” para os pequenininhos. Então dá para assistir agarradinha com os pitucos! Duração: 96 minutos. Livre. (Clique aqui)
25. Corrina, Corrina (1994): Conta a história de um pai jovem e publicitário que se vê viúvo e precisa encontrar alguém para cuidar da sua filha, calada desde a morte da mãe. Eis que surge Corrina para dar uma “revira volta” na história! Duração: 114 minutos. Livre. (Clique aqui)