Brasil! Que tal ensinar seu filho a cantar o Hino Nacional?

Ah! Sem dúvidas o hino brasileiro é uma obra que emociona. Esses dias estava conversando com meu filho sobre futebol, copa do mundo, e ele me perguntou como cantava o Hino do Brasil. Foi aí que me dei conta que ele tem 8 anos e precisa aprender um pouco mais sobre esse e outros símbolos brasileiros.

Para outras mamães que assim como eu moram fora do país, inserir a cultura do Brasil no cotidiano dos nossos filhos é de certa forma fortalecer as suas raízes e relembrar as suas origens. Só tem a acrescentar! Aqui em casa mistura-se o Brasil e a Alemanha em forma de músicas, comidas, brincadeiras, expressões, gírias, sotaques, brinquedos, filmes… Ficamos com o melhor dos dois, e a criançada se enriquece culturalmente e se diverte que é uma beleza!

Vamos ao hino?

Quem escreveu o Hino Brasileiro atual foi Joaquim Osório Duque Estrada e a letra foi musicada pelo Francisco Manuel da Silva, de acordo com os Decretos nº 171, de 20 de janeiro de 1890, e nº 15.671, de 6 de setembro de 1922. Em 1971, uma série de regras foram estabelecidas para a execução do hino, quem quiser dar uma olhadinha só por curiosidade clique aqui.

E por falar em curiosidades, inúmeros fatos interessantes marcaram a escolha do hino nacional brasileiro, eu fui ler no Guia do Curiosos e achei informações legais que eu não aprendi na escola. Vale a pena ler e conferir!

Segue a letra…

Parte 1 –

Ouviram do Ipiranga às margens plácidas
De um povo heroico o brado retumbante
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos
Brilhou no céu da Pátria nesse instante

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte
Em teu seio, ó Liberdade
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce
Se em teu formoso céu, risonho e límpido
A imagem do Cruzeiro resplandece

Gigante pela própria natureza
És belo, és forte, impávido colosso
E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!

Parte 2 –

Deitado eternamente em berço esplêndido
Ao som do mar e à luz do céu profundo
Fulguras, ó Brasil, florão da América
Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores
“Nossos bosques têm mais vida”
“Nossa vida” no teu seio “mais amores”

Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado
E diga o verde-louro desta flâmula
– Paz no futuro e glória no passado

Mas, se ergues da justiça a clava forte
Verás que um filho teu não foge à luta
Nem teme, quem te adora, a própria morte

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!

Espero que tenham gostado! E para continuar em ritmo de copa, vocês podem se interessar também por este post: 10 coisas que as crianças aprendem colecionando álbum de figurinhas. Boa leitura!

 

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s